ॐ Reiki Energia do Universo ॐ

 

 

O que faz os símbolos do Reiki funcionarem?

 

O entendimento sobre os símbolos do Reiki se desenvolveu a partir de múltiplas fontes de diferentes caminhos de busca, assim como de experiências de trabalho com eles por muitos mestres. Durante este tempo, foi refletido sobre os símbolos a partir de perspectivas metafísicas e também científicas e examinadas bem de perto as experiências pessoais de cada um, bem como aquelas relatadas por estudantes e outras pessoas que os experimentaram. Também houve dialogo com aqueles dotados de grande intuição e clarividência sobre o que eles vivenciaram quando os símbolos do Reiki eram usados e como eles perceberam esse trabalho.

 

A descrição a seguir é baseada em como os símbolos do Reiki atuam: os símbolos do Reiki atuam num plano transcendental diferentemente de muitos símbolos em outros contextos. Frequentemente a finalidade de símbolos não associados ao Reiki é de trazer informações. Exemplos comuns são os semáforos e outros símbolos de sinalização, ícones de computador e símbolos científicos.

 

Outros símbolos não reikianos, como os religiosos e metafísicos, podem criar mais efeitos emocionais e espirituais entre as pessoas. Tais símbolos emocionais e espirituais frequentemente criam seus efeitos automaticamente baseados no processo de condicionamento das pessoas que vivenciaram coletivamente o símbolo.

 

Este condicionamento tem lugar no mecanismo de estímulo-resposta que funciona dentro do sistema nervoso simpático. (O físico russo Ivan Pavlov descobriu o funcionamento deste mecanismo em experimento com cães). O mecanismo sobreviveu provavelmente como uma necessidade de sobrevivência, capacitando uma pessoa ou animal a ter uma reação imediata ao serem confrontados a uma experiência anteriormente vivenciada. Isso ajuda as pessoas nas ações rotineiras da vida, como dirigir, trabalhar ou praticar desportos sem haver a necessidade de se pensar sobre cada uma dessas ações.

 

O mecanismo de estímulo-resposta é frequentemente usado em publicidade. Por exemplo, uma televisão exibe imagens de pessoas aproveitando um dia de verão, se divertindo, cheias de satisfação e alegria, mergulhando na água, nadando, e aparentando sentir-se refrescada. Então as pessoas aparecem bebendo algum refrigerante. A imagem e o anúncio são mostrados repetidamente. A intenção é que através da exposição repetida, o telespectador que esteja se sentindo cansado, pra baixo ou deprimido, automaticamente pense naquele refrigerante específico como forma de se sentir melhor. A alteração do comportamento habitual, associado à saúde ou à falta dela, ocorre em parte devido à atividade do mecanismo de estímulo-resposta.

 

Os símbolos do Reiki usam o mecanismo de estímulo-resposta. No entanto, devido à natureza do estímulo (a energia de sintonização), o tempo necessário para criar o processo de estímulo-resposta é enormemente reduzido. Além disso, a resposta à sintonização tem lugar junto a uma maior parte do campo de energia do estudante, uma parte que normalmente está muito além da maioria dos estímulos. Isto ocorre porque o processo é de natureza transcendental e transcende nossos níveis de consciência usuais.

 

Antes ou durante as aulas, o estudante é exposto aos símbolos do Reiki. Eles são mostrados e normalmente pede-se que sejam memorizados. Então os estudantes recebem a sintonização. (Alguns professores mostram os símbolos depois da sintonização. Isto é uma exceção, mas devido à natureza transcendental do Reiki e a sua habilidade de transmitir informação diretamente ao sistema nervoso e ao campo de energia do estudante, o efeito é o mesmo). Durante a sintonização, os símbolos e as energias do Reiki a eles associadas são registradas na Medula Oblongata, que é localizada na parte inferior do cérebro. Essa parte do cérebro atua como um caminho condutor, enviando impulsos para muitos reflexos automáticos como as batidas do coração, respiração, deglutição, etc e por isso é um local ideal para a implantação dos símbolos.

 

O processo de sintonização cria um mecanismo de reflexo automático ou um processo de estímulo-resposta entre a medula oblongata e outras partes do sistema nervoso simpático que fazem ligação com níveis mais elevados do campo de energia. Assim que o estudante intencionar utilizar um símbolo, seja através de desenho, visualização ou pronunciando seu nome (estímulo) seu campo de energia automaticamente responde (resposta) abrindo e trazendo energias espirituais de energia mais elevada que o símbolo representa. Assim, com o uso dos símbolos do Reiki e a sintonização por eles ativada, o praticante tem acesso mais amplo, numa escala mais eficaz de frequências do Reiki do que teriam de outra maneira.

 

Este é um dos milagres do reiki. O processo de estímulo-resposta para os símbolos é criado muito rapidamente durante a sintonização e não requer repetidas exposições aos estímulos que são usualmente necessários. Também, a resposta acontece dentro de uma parte mais elevada do sistema energético da pessoa, além do ego e da mente consciente, numa área normalmente inacessível para a maioria das pessoas, a não ser que tenham muitos anos de treinamento. Por causa disso, a sintonização permite que qualquer um tenha acesso ao Reiki. Podemos somente termos gratidão por tão maravilhosos presentes, disponíveis para nós utilizarmos em momentos em que seja importante ter acesso a recursos para podermos solucionar problemas de todos nós, habitantes da terra, enfrentamos agora.

 

 

 
CHO-KU-REI

O Cho-Ku-Rei é o primeiro passo e a primeira experiência no nosso caminho terreno.
Representa o equilíbrio perfeito, e é o interruptor de luz que liga a energia da cura, aumentando o poder. Na fase inicial atua na cura do corpo... físico.
É usado para a manifestação física, pelo que ajuda a curar a raça humana. Cho-Ku-Rei eleva a nossa consciência. É o símbolo do reforço do poder e trabalha a nível do corpo físico.

O mantra significa:
"Deus está aqui" ou "Pôr aqui o poder" - Incute, reforça e ativa o poder da energia Universal.

Reforça o Reiki no tratamento com as mãos; visualiza-se o símbolo nas costas das mãos. Quando este símbolo é utilizado em primeiro lugar, não se coloca em seguida nenhum outro símbolo. Ativa e reforça o efeito do segundo e do terceiro símbolo. Utiliza-se juntamente com o segundo símbolo para diversos fins. É muito importante salientar que este símbolo tem duas características fundamentais, na sua utilização.
 
Este símbolo traz e, ou, liberta energia, criando o equilíbrio por isso é colocado de duas formas:
- Incutir ou reforçar a energia
  
 
Em qualquer trabalho metafísico ou de energia, incluindo o Wicca, o movimento no sentido horário no Hemisfério Norte, é o sentido da evocação e do aumento.
 
CHO-KU-REI

- Retirar ou suavizar a energia - no movimento anti-horário é o sentido do decréscimo e da dispersão.

 
SEI-HEI-KI

A transformação das emoções é o processo alquímico e o segundo estágio no Caminho da Iluminação Budista. No Reiki o Sei-Hei-Ki é o símbolo da cura das emoções e da transformação de sentimentos negativos em positivos.

Este é o ...símbolo da harmonia e da proteção. Também é o processo alquímico de purificação, limpeza e proteção. As emoções criam apego e karma. Trabalha a nível do corpo emocional.

O mantra significa:
"Chave do universo" ou" Homem e Deus tornam-se um só".

Este símbolo a quando da sua utilização pode ser evocado para harmonia, proteção, comunicação, intuição, tratamento emocional e limpeza. Quando se traça o Sei-Hei-Ki em primeiro lugar, em seguida deve colocar o Cho-Ku-Rei.

Para harmonizar conversas difíceis, discussões, situações desagradáveis, espaços de trabalho, purificação de salas e ambientes, etc...

Para proteção antes de se começar a tratar alguém, para casas, os carros, as carteiras, malas (para não se perderem durante uma viagem), etc...

Para comunicação com pessoas doentes, bebés, animais, para exprimir ideias, opiniões, etc...

Para intuição para procurar objetos perdidos ou animais desaparecidos.

Para tratamento emocional traça-se o Sei-Hei-Ki, juntamente com o Cho-Ku-Rei, nas costas das mãos e também por cima do corpo da pessoa a ser tratada.
Pode-se repetir várias vezes durante a sessão.

Para limpeza da comida, cristais, pêndulos, etc....

Aconselhamos:
Pode-se traçar ou desenhar, o Sei-Hei-Ki + Cho-Ku-Rei no plexus solar como proteção contra energias e ambientes difíceis, em ocasiões de risco ou antes de começarmos a tratar alguém.

É importante traçar ou desenhar o Sei-Hei-Ki + Cho-Ku-Rei na planta dos pés para nos centrarmos e ligarmos à Terra.
 
HON-SHA-ZE-SHO-NEN

A resolução de vidas passadas e do karma são libertados por este símbolo. O Hon-Sha-Ze-Sho-Nen ajuda a completar a libertação karmica, e é o processo que direciona a cura para o passado. A libertação é permanente e desap...arece a necessidade de reencarnação.
Este símbolo soluciona problemas não resolvidos do passado e do presente e elimina o karma. Este é o símbolo da cura à distância, e trabalha a nível do corpo mental.

O mantra significa:
"O Buddha em mim alcança o Buddha em ti para promover luz e paz".

Este símbolo deve ser utilizado acompanhado pelos outros 2 e realiza a transmissão imediata através do tempo e do espaço e a ligação daquele que envia àquele que recebe. Este símbolo depois de evocado serve para tratamento à distância, traumas passados e trabalha com as vidas kármicas.

A CURA À DISTÂNCIA
A cura à distância é basicamente um processo de visualização em estado de meditação. A visualização cria, na sua mente uma representação da pessoa que precisa da cura. Em outras palavras, imagine essa pessoa. No ocidente em geral essas representações são feitas através de fotos, mas essa não é a única forma.

1. Fazer uma meditação. Por exemplo respirar profundamente 7 vezes e em cada respiração limpar um chakra.
2. Pedir autorização à pessoa e ao seu bem supremo.
3. Enviar para o bem supremo da pessoa e do nosso bem supremo (incluirmo-nos a nós próprios, terapeutas).
4. Pedir a ajuda e presença dos nossos Guias e Mestres de Reiki.
5. Aqui e agora sou um canal de Energia Reiki.
6. Aqui e agora peço (formular claramente o pedido e se necessário por escrito), trabalhando com uma Intenção Pura.
7. Visualizar positivamente a resolução do problema.
8. Em seguida traçar os símbolos (yantra e mantra), começando no símbolo Hon-Sha-Ze-Sho-Nen em seguida o Sei-Hei-Ki e no final Cho-Ku-Rei.
9. Colocar as mãos na fotografia, no papel escrito ou nosso corpo (ver em seguida as diversas formas de cura à distância).
10. E no final da cura agradecer à energia Reiki, guias e mestres, à outra pessoa e ao nosso bem supremo.

1o Exemplo:
Tratamento à distância com fotografia.
Esta técnica de cura à distância começa com a utilização de uma foto da pessoa a ser tratada, que após a visualização, devemos traçar os 3 símbolos por cima do chakra do 3° Olho da pessoa na seguinte ordem: Hon-Sha-Ze-Sho-Nen, Sei-Hei-Ki, Cho-Ku-Rei.

Após isso ponha a fotografia entre as suas mãos ou cubra-a com as mãos durante 10 a 15 minutos, visualizando a energia a fluir para a pessoa pretendida.

2o Exemplo:
Tratamento à distância com visualização.
O mesmo procedimento que no anterior exemplo, só que é necessário imaginar a pessoa. Pousar as mãos em cima do vosso joelho - ou qualquer outra parte do corpo – ou ainda em cima de um boneco de peluche (no caso de ser uma criança), e pensar:
- “Esta parte do meu corpo ou boneco, corresponde agora ao corpo da pessoa X”. Imagine que ao colocar as mãos no seu corpo, estaria a colocar as suas mãos no corpo da outra pessoa. Concentre-se na pessoa e visualize-a de boa disposição e alegre. Pode-se também usar um objeto pertencente à pessoa, por exemplo um brinquedo no caso de ser uma criança.

3o Exemplo:
Tratamento à distância sem fotografia e sem conhecer a pessoa.
No caso de não se conhecer a pessoa e não se ter uma fotografia, escreve-se o nome e a morada se possível num papel e traçam-se por cima os símbolos pela ordem descrita acima. De seguida dobra-se o papel e guarda-se entre as mãos durante o mesmo tempo, 10 a 15 minutos.
Ao finalizar o envio deve-se visualizar a pessoa de boa saúde, com boa disposição, feliz, etc.

Importante
Quem recebe a cura à distância pode ter consciência disso ou não, provavelmente sentirá a ocorrência. Se for bem recetivo à energia e psiquicamente consciente poderá saber exatamente quando e o que fez. A pessoa pode não ter consciência total, mas pode vir a pensar no curador e o que fez. Neste processo a pessoa pode de repente sentir paz, visualizar uma cor ou sentir-se melhor.